Коментарі читачів

Peplum

як Juan Wruck (2018-10-26)


Assim como na maioria dos outros produtos, tipo mais comum de couro usado para a produção de luvas é bovino, embora outros tipos estejam disponíveis ? Uma coleção para a venda sob pedido precisa ser preparada, os mostruários distribuídos, os pedidos emitidos e a matéria prima encomendada para que os produtos sejam fabricados e enviados para as lojas. De acordo com Treptow (2005), criar é gerar novos arranjos de elementos conhecidos neste caso os tecidos, aviamentos e cores com intuito de apresentar combinações originais e que estimulem consumo. Na empresa Luiza Barcelos Calçados, investimento em ferramentas que permitam a publicação de editoriais de moda com peças da empresa (desde ações de relacionamento com editores até contratação de uma assessoria de imprensa especializada no setor) acontece há dois anos; notando-se, nesse período, um aumento claro tanto de número de matérias publicadas quanto de vendas gerais. Em nenhum momento a empresa de cosméticos preocupou-se em vender algum produto da marca. No entanto, a partir dos anos 60, as feministas atearam fogo em sutiãs em praças públicas para chamar a atenção sobre a necessidade de alteração no papel desempenhado pela mulher na sociedade, dando começo ao período em que acabaria por se destacar a figura da mulher com mais traços masculinos, fato preciso para seu ingresso no mercado de trabalho. Igualmente chamada eco-concepção, trata-se de uma abordagem que consiste em reduzir os impactos de um produto, ao mesmo tempo em que conserva sua qualidade de uso (funcionalidade, desempenho), para melhorar a qualidade de vida dos usuários de hoje e de amanhã.” Thierry Kazazian, (2005). Em outras palavras, corpo é transformado em mercadoria e desejo de beleza, inculcado pela mídia. E é nesse jogo na questão das identidades, que Boticário surge como fonte de símbolos e representações, capaz de proporcionar ao indivíduo consumidor a ilusão da diferenciação, posição social, além disso, a ilusão de estar aderindo a um novo estilo de vida e comportamento. Moda, segundo Palomino (2003), é muito mais do que roupa, é um sistema que integra simples uso das roupas do dia-a-dia a um contexto maior, político, social, sociológico. "Assim, as pessoas formam sociedade porque têm de fazê-lo; para um indivíduo sozinho é improvável que consiga obter comida, abrigo e indumentária contando apenas consigo mesmo e assim, para sobreviver, necessita de relações sociais", diz Barnard (2003, p. 150). blazer faz parte tanto dos tipos de looks sociais quanto dos casuais, transmitem um ar de seriedade e se destacam por deixarem as mulheres sempre clássicas e elegantes, pois são peças que nos deixam cheias de estilo e com visual moderno. Nesse, designer descreve as peças comentando sobre a cor do tecido ou elemento utilizado e visa motivar as vendas para a comercialização dos novos produtos e dar informações mais significantes do produto. Os elementos mais marcantes, além dos comuns à esta família são as linhas formadas pela junção dos recortes em diferentes cores. quadro acima reafirma a invisibilidade ou mesmo ausência das mulheres nos diversos ramos de actividade do país. Mas, daí a achar que a verdadeira chave da beleza esta nos produtos de uma empresa de cosméticos em potinhos de plástico e capas de batom tem uma distância enorme. Treptow (2005) faz referência que a cartela de cores deve reportar ao tema escolhido para a coleção e ser composta por todas as que serão utilizadas, incluindo preto e branco. Olhando ao presente, as mulheres tem uma enorme variedade de opções, não só de modelos e tipos de lingerie, mas de marcas também. Aqui nasce conceito de dupla jornada feminina ou de mulheres-maravilhas , caracterizando as mulheres buscando perfeição em todas as esferas de sua vida. Atualmente, a moda adaptou as peças para que se tornassem parte integrante da produção feminina, algumas peças até são criadas para que apareçam acima da blusinha ou do vestido. Analisando porém, a progressão das actividades económicas de 1997 para 2007 vemos que incremento industrial paulatinamente vai roubando mão-de-obra agrícola e inserindo homens e mulheres em outros sectores de actividade. Se quisermos extrapolar para outros estudos feitos anteriormente, não teremos dúvidas em afirmar que grande parte dessas mulheres realiza pequenas (mesmo que devidamente formalizadas) actividades de subsistência. Um momento marcado por inúmeras transformações atingindo os diversos segmentos da sociedade como econômico, social, político, religioso entre outros. Este artigo relata a vida e trabalho de Yves Saint Laurent, um estilista considerado gênio do século XX, nomenclatura merecida, pois ele revolucionou a moda do século, criando uma mistura de simplicidade extrema e sofisticação absoluta, numa união perfeita entre corpo e roupa, onde os modelos são perfeitamente usáveis, que não é uma realidade na maioria dos desfiles de alta costura, que usam uma extravagância gratuita. Foram desenvolvidas as pesquisas abaixo, buscando em revistas, jornais, internet, ruas, informações que pudessem nortear a criação da coleção, atender melhor as necessidades da empresa e do consumidor. Vale lembrar que estudo indicou que 64% dos brasileiros compram roupas intimas, pelo menos, uma vez por mês e, em 79% dos casos, os produtos eram para uso próprio. Os preços são definidos muitas vezes muito abaixo dos concorrentes ou dos produtos que dominam mercado com a evidente intenção de ganhar participação de mercado ou entrar em um novo mercado com alguma inovação e chamar a atenção dos consumidores pela oferta reduzindo então os riscos inerentes à compra de uma novidade. Trabalhando através de pesquisas uma forma de favorecer um segmento da moda feminina com roupas mais confortáveis, comprometidas com as formas, num processo de criação muito elaborado e com técnicas diferenciadas. TREPTOW (2005) ainda cita que as feiras são eventos importantes para se informar sobre preços, novidades e os lançamentos de varias empresas, podendo escolher que melhor condiz com a marca e a coleção. Com suporte de uma agência especializada, a marca consegue também definir previamente quais os veículos-chave capacitados para utilizar seus produtos em editoriais de moda. Agregando valor extra ao seu estilo e atitude, a partir do que pessoas do mesmo estilo estão usando, e fazendo máximo para diferenciar do que se rotula comum, transparecendo a individualidade e assim, uma afirmação pessoal não seria tão intensa se não fosse à moda. As sugestões de elementos de estilo podem ser identificadas através da pesquisa de tendências, não se limitando somente a elas e investindo em elementos que identifiquem a coleção como única e original. Fazendo mais uma vez extrapolação com a construção da base de dados de mulheres empresárias levada a cabo pela Fundação para Desenvolvimento da Comunidade (FDC) em Moçambique, realmente constatamos que as mulheres empresárias encontram demasiados obstáculos para competir em pé de igualdade com os seus pares masculinos, num mundo empresarial já per si agressivo. Várias funções são dadas e destinadas à moda e à indumentária, inclusive proteger corpo de elementos externos como frio, chuva, calor, etc. Treptow (2005) menciona que uma coleção deve ser coerente e contemplar os seguintes aspectos: perfil do consumidor, identidade da marca ou imagem da marca, tema da coleção, proposta de cores e materiais, sendo necessária uma metodologia para processo de criação. Um jornal que abordou as dimensões da vida social numa ampla discussão apresentando diversidades de pensamentos e questões sociais (NASCIMENTO, 2006). Em Os Maias, a caracterização é dotada de endeusamentos e feições próprias das mulheres da burguesia, em que se tornam profanas no final da obra, criticando romantismo e a sociedade do século XIX. Este é um vestido intrigante que foca nos detalhes das cores e das dimensões para mulheres interessantes e irreverentes. As formas geométricas devidamente montadas podem dar origem a novos modelos de estampas vazadas ou montadas, exprimindo criatividade e beleza e inúmeras formas interessantes. Assim, em virtude desse sucesso da utilização das formas geométricas na moda, visto como um diferencial, foi apresentada uma proposta de trabalhar com a geometria incluindo sua beleza e expressando na coleção ?Geometria Mole? A produção ininterrupta de novas modas, fenômeno visível desde a modernidade, deixou de ser uma característica exclusiva do universo da aparência para tornar-se paradigma dominante da sociedade pós-industrial, uma vez que todos os setores industriais e tecnológicos se renderam à obsolescência programada e à estilização de produtos. Assim, segundo autor quanto mais mediado for à vida social de imagens da mídia, estilos e palavras, mais as identidades se tornarão desalojadas de tempos, lugares, histórias e tradições. Assim foi produzido cronograma da coleção ?Geometria Mole?, de forma a seguir todas as etapas e fazer máximo para cumprir tudo de forma que a coleção e divulgação estejam prontas no prazo determinado, prevendo os atrasos e imprevistos que podem ocorrer, para que a coleção chegue ao mercado com sucesso. Rketing: é um processo social por meio do qual pessoas e grupos de pessoas obtêm aquilo de que necessitam e que desejam com a criação, oferta e livre negociação de produtos e serviços de valor com outros”. lançamento de uma coleção faz parte da divulgação e apresentação aos clientes do produto criado a partir do planejamento (citado no item 2.4). Segundo Treptow (2005) a preparação de lançamento é feita antes de mostruário ficar pronto, tendo que designer e setor de marketing trabalhem juntos e mais importante é que designer descreva claramente qual tema da coleção e público a que se destina, pois é preciso que em todos os materiais e eventos de divulgação da coleção transmitam a mesma mensagem. Assim sendo uma roupa para mulheres que querem se destacar das demais, sem precisar usar cores chocantes apenas como uso de cores complementares e opostas. A lingerie passou por uma série de transformações ao longo do tempo, acompanhando as mudanças culturais e as exigências de uma nova mulher que foi surgindo, principalmente durante século 20. A evolução tecnológica possibilitou surgimento de novos materiais, que tornou a lingerie mais confortável e durável, duas exigências da vida tempo que sutiã deixou de ser uma peça básica, que ficava escondido no look, para se transformar em um acessório de moda. E é esta idéia de moda comunicando conceitos e significados que é assimilada neste estudo baseado na pesquisa bibliográfica de vários autores importantes nesse foco de estudo, principalmente Malcolm Barnard, mas com apoio de outros pesquisadores da moda e da sociedade. Assim a marca propõe ao consumidor uma confiança de estilo que deixa fixa a identidade. A inspiração da coleção 'Geometria Mole' se deu através de itens catalogados referentes ao tema e que apresentam as formas geométricas seja em looks ou imagens, com combinações norteando a criatividade da coleção, sendo necessário um foco na tarefa a ser realizada de forma a expressar claramente na criação: habilidade, comunicabilidade e organização, transformando isto imagens físicas e mentais sobre tema em um produto concreto, com formas singulares. A boa nova é que a moda no inverno 2010 reserva uma variedade de tipos de botas femininas que você pode escolher de acordo com seu gosto e seu estilo. Um produto exclusivo que faz a cabeça de muitas mulheres e também de homens pelo mundo todo. Não vivemos como as mulheres uniformizadas do comercial, mas a moda foi transformada numa massa compacta, sem identidade e cultura própria, assim, quanto mais houver escolhas das redes de comunicação, "mais os programas se alinharão uns pelos outros e a padronização social irá crescendo" (Lipovetsky, 1989, p. 227). As formas passaram a ser usada ate hoje são como elementos de decoração e exemplo na moda como cita autor LAVER (1989): "as roupas da década de 60 estabeleceram uma nova tendência. Segundo Jones (2005), a chave para criar novas idéias é reter as influencias em um caderno e mesclá-las posteriormente como que já se aprendeu sobre tecidos, detalhes da moda e mercados-alvo. Dessa forma, busca-se através desse conceito de beleza, no qual corpo nunca é perfeito e deve ser corrigido por numerosos rituais de autotransformação, sempre seguindo as imagens padrões veiculadas pela mídia, que comercial pode ser utilizado como pano de fundo para os questionamentos relacionados à construção das identidades femininas. A harmonia é trabalhada nas cores e nos recortes, que gera uma continuidade na coleção reforçando a idéia de elementos de estilo da coleção. Segundo Martins, (1999) a marca também é maior patrimônio que se pode criar e desejar, ela estabelece um elo com consumidor, que vai muito além da qualidade do produto e, é esse envolvimento que vai garantir a lucratividade. A assim chamada "crise de identidade" é vista como parte de um processo mais amplo de mudança, que está deslocando as estruturas e processos centrais das sociedades modernas e abandonando os quadros de referência que davam aos indivíduos uma ancoragem estável no mundo social. Dentro dessa ótica, será priorizada nesse capítulo a supervalorização da beleza e do corpo correlacionados com a construção das identidades femininas. Vestir-se de maneira ecologicamente correta, observando a procedência e os materias usados na fabricação das roupas, dos acessórios, a da sustentabilidade e a de compra de produtos reciclados, biodegradáveis, é política e socialmente correto. A marca YSL continua nas passarelas de todo mundo, com uma grande variedade em roupas, perfumes, bolsas, sapatos, etc. E isso é perfeitamente visível na publicidade atual: quando personagem principal é um homem, os valores dominantes do discurso incidem, por um lado, sobre seu sucesso social e profissional e, por outro, evidenciam aspectos relacionados com a virilidade ou com a noção de poder, mas se é a mulher que se destaca, a mensagem incide na perfeição das formas anatômicas, ou na sua sensualidade e pureza do seu rosto. Aqui, a relevância da supervalorização da beleza, a construção das identidades femininas e as lógicas da moda, se sobrepõem ao mundo que permeia entre a realidade e a fantasia. A peça por ser leve e fluída indica conforto, frescor e movimento para mulheres que gostam de sair e demonstrar beleza e descontração no modo de se vestir. Isso implica dizer bolsa feminina que elas tanto perpetuam e reinterpretam representações como geram outras, através da criação de necessidades e sentidos, que passam a figurar na vida cotidiana das mulheres, contribuindo para sua interação social e construção de identidades. Apesar da origem francesa do termo, conceito de lingerie foi desenvolvido pela inglêsa Lady Duff-Gordon de Lucile que foi pioneira nessa área e libertou as mulheres no mundo inteiro dos espartilhos que bonitos mas que não eram nada práticos e muito menos confortáveis. No editorial de moda, Produto ganha também um valor agregado especial, advindo do aval fornecido pelo veículo específico para a marca, e associando a empresa ao referido meio de comunicação. editorial de moda é meio ideal para os produtores de moda aumentarem seus potenciais de vendas: é mais fácil vender as marcas que são bem divulgadas pelas revistas de prestígio. Traduzindo para ramo da moda, seria mesmo que dizer para a mulher variar formas, modelos, decotes e estampas para estar sempre chamando a atenção. Nesta esfera, estilista Nicholas Kirkwood lançou sua coleção para outono 2010, que destaca formas geométricas sobre plataformas, contraste de texturas, mistura de materiais e elementos como couro, pérolas, cristais e finos tecidos de grife.Ela é uma cronologia de fatos e estilos que tendem a ascender ou descender conforme as tendências de moda, demonstrando uma contínua evolução geral de como se apresentam de diferentes formas e como cada estilista tem sua influência nelas. E é assim, aderindo a determinados comportamentos, estilos de vida, idéia e atitudes que criamos uma identidade. Elas ficam mais felizes, dispostas e com atitude para vivenciar as coisas boas do dia-a-dia." Assim, segundo capítulo além de apresentar algumas temáticas relacionadas a busca pela beleza e seus inúmeros argumentos, utiliza a moda, juntamente com a mídia, para discutir e analisar processo de valorização e homogeneização dos estilos de vida e comportamento femininos. E pelas roupas serem constituídas de muitos recortes, há casos em que se faz um molde total da peça e depois divide nas cores definidas para confecção, e tecido por se tratar de malharia tem ótimo caimento, sensação tátil e leveza as peças, influenciando no resultado da modelagem. Mas também existem dois movimentos que são citados como ciclo de moda: efeito trickle-down, em que a tendência de moda surge no topo da elite da moda, assim pessoas mais próximas a esta elite e formadores de opinião aderem às idéias e marcas e passam a reproduzi-las, chegando a comercializá-las em massa para público geral; e efeito bubble-up que segue a linha contrária surgindo das ruas, se elevando nas escalas sociais, adotando versões sofisticadas e por fim aparecendo como item de luxo na passarela. Essas atividades resumem a vida das mulheres nessa época. A moda deixou de ser vista como uma bobagem das mulheres fúteis para ser reconhecida como um importante fenômeno social. Desde que mundo é mundo, a moda intima sempre colocou seu estilo frente a beleza e vice-versa. Assim sendo tema será capaz de refletir as tendências da estação e estilo da marca, sem reproduzi-las como regra. Uns anos depois, quando a Primeira Guerra Mundial estourou, as mulheres encontraram-se preenchendo os papéis dos homens no mercado de trabalho, criando uma demanda por moda íntima e lingerie mais prática para dia a dia. Na indústria têxtil, por exemplo, já começa uma preocupação maior em relação aos produtos que vão sendo utilizados agregando assim um valor ao produto. Até a primeira metade do XIX, as mulheres usavam roupa íntima por três principais motivos: Alterar a forma exterior através de espartilhos (depois também com cintos e sutiãs), higiene, e para disfarçar os traços femininos do corpo e não chamar a atenção dos homens - nesse contexto vale a pena mencionar, que nessa época, discrição fazia parte da educação.